Cervejas de Moçambique faz Oferta Pública de Subscrição em bolsa Featured

A Cervejas de Moçambique (CDM), a mais antiga do setor no país, vai proceder a uma Oferta Pública de Subscrição em bolsa para 36.762.972 novas ações visando o aumento do capital, anunciou a empresa. A oferta destina-se exclusivamente aos acionistas da CDM e a operação será feita na Bolsa de Valores de Moçambique (BVM), refere um comunicado da cervejeira. Para cada 3,3123 ações, cada acionista terá direito a adquirir uma ação, diz a nota, que não especifica o montante que a companhia pretende angariar com a colocação bolsista. A operação vai terminar no próximo dia 08 de agosto, com a alocação e liquidação financeira. Na semana passada, a Hidroelétrica de Cahora Bassa (HCB) anunciou que a percentagem que colocou à venda em bolsa foi aumentada de 2,5% para 4%, devido à forte procura. No total a Oferta Pública de Venda teve a subscrição de 16.787 investidores, tendo sido compradas 1.510.366.810 ações, disse Salimo Valá, presidente da BVM, numa apresentação hoje em Maputo dos resultados. "A operação foi um sucesso, a HCB teve de aumentar a oferta das ações, face à enorme procura", afirmou Salimo Valá.
Ler 67 vezes
Avalie este item
(0 votos)

About Author