China com défice comercial em Março pela primeira vez num ano

China com défice comercial em Março pela primeira vez num ano

A China registou um défice comercial de 4.983 milhões de dólares (4.042 milhões de euros) em Março. Este é o primeiro saldo negativo da balança comercial do gigante asiático desde Fevereiro de 2017. As exportações chinesas ascenderam a 174.121 milhões de dólares, uma quebra de 2,7% face a igual mês do ano passado. As importações, por seu turno, aumentaram 14,4%, ascendendo a 179.104 milhões de dólares. No primeiro trimestre, contudo, Pequim registou um excedente comercial de 51.883 milhões de dólares, uma descida de 21,8% face aos primeiros três meses de 2017. As exportações trimestrais atingiram os 563.080 milhões de dólares, uma subida de 7,4%, tendo as importações aumentado 11,7%, para os 511.197 milhões de dólares. A balança comercial chinesa com os EUA apresentou um saldo positivo de 58.250 milhões de dólares entre Janeiro e Março, mais 19,4% do que um ano antes, numa altura em que Pequim e Washington ameaçam com uma guerra comercial entre os dois países. O porta-voz da Administração de Alfândegas da China, Huang Songping, destacou que desde o início da abertura da economia chinesa – entre 1978 e 2017 – o comércio internacional da China passou dos 206.400 milhões de dólares para os 4,1 biliões de dólares, com uma média de crescimento anual de 14,5%. A China passou de uma quota de 0,77% para 10% do comércio mundial.
Ler 51 vezes
Avalie este item
(0 votos)

About Author